Saiba o que esperar da gestação de gêmeos

Saiba o que esperar da gestação de gêmeos

9 de setembro de 2019 0 Por ABC Design Brasil

Imagine que grande surpresa descobrir que você está em uma gestação de gêmeos! A gravidez gemelar requer cuidados em dose dupla, pois o peso é maior, bem como a quantidade de vitaminas e exames médicos. Afinal, o seu corpo passará por uma sobrecarga e esse tipo de gestação costuma apresentar mais riscos. Mas calma, apesar da grande insegurança e ansiedade, o amor também vem em dobro!

Esse tipo de gravidez que desenvolve dois coraçõezinhos pode acontecer de duas maneiras. A primeira delas é chamada de univitelina, ou seja, quando dois óvulos são fecundados. Já a segunda ocorre quando há a duplicação de um embrião.

Se você se viu nesse cenário e as suas dúvidas também se multiplicaram, confira, a seguir, os principais cuidados que são necessários para ter com segurança dois pequenos pacotinhos de amor cheios de saúde e vitalidade! Boa leitura!

Capriche na alimentação

As grávidas de somente um filho costumam dizer que comem por dois, apesar de isso ser um mito. No entanto, na gestação de gêmeos, o cenário é um pouco diferente. Como dito, o seu organismo passará por uma sobrecarga, inclusive de vitaminas e nutrientes, pois você precisará ter energia para cuidar de três vidas, a sua e a dos dois pequenos.

Sendo assim, o indicado é que você aumente a sua quantidade de calorias ingeridas diariamente. No entanto, isso deve ser feito com qualidade, pois, apesar desse aumento na alimentação, isso não quer dizer que você poderá comer qualquer coisa ou multiplicar o que já come na sua rotina.

O ideal é que você se alimente em porções para evitar os enjoos. Por exemplo, prefira se alimentar de três em três horas com alimentos nutritivos, como frutas, verduras, legumes, pães integrais e fontes de proteínas. Ah! Lembre-se de que tudo o que você for comer deve ser muito bem higienizado. Além disso, jamais consuma carnes malpassadas ou peixes crus.

Pratique atividade física

Sabemos que os exercícios físicos são indicados em praticamente todas as fases da nossa vida, a não ser que a pessoa tenha algum tipo de problema de saúde que a impeça de praticá-los. Durante a gestação de gêmeos, a orientação é que a gestante pratique atividades físicas, porém de maneira moderada.

Exercitar o seu corpo ajudará no fortalecimento da musculatura e diminuirá os desconfortos comuns desse período, como os inchaços. Durante a gravidez gemelar, é comum que você engorde até 15 quilos. No entanto, como muitas mulheres acabam exagerando na alimentação, esse peso pode ser ainda maior.

Portanto, os exercícios físicos auxiliam ainda na manutenção do peso, para que a mãe não tenha problemas durante e após o parto. Entretanto, as suas atividades não devem ser intensas e precisam ser acompanhadas por um profissional, pois movimentos de alto impacto podem sobrecarregar as suas articulações.

Dito isso, prefira caminhadas leves, ioga e hidroginástica, por exemplo, pois além de serem ótimas para o seu corpo, ajudam a aliviar o estresse, a ansiedade e o cansaço mental.

Faça o pré-natal corretamente

Como dissemos, os cuidados na gestação de gêmeos devem ser dobrados, já que os riscos para a mãe e os bebês também são multiplicados. Infelizmente, a gestante com gravidez gemelar tem maiores probabilidades de sofrer aborto espontâneo ou parto prematuro.

Esses perigos aumentam caso você desenvolva algum tipo de condição durante a gestação, como diabetes gestacional, hipertensão ou pré-eclâmpsia. Exatamente por isso que o acompanhamento médico feito no pré-natal é de extrema importância, pois nas consultas serão solicitados exames para conferir se está tudo bem com vocês três.

Em razão dos maiores riscos, a frequência de visitas ao obstetra também deve ser maior. Isso é feito para que todas as fases e quaisquer tipos de alterações possam ser monitoradas de perto, inclusive nos estágios finais da gestação, a fim de diminuir as chances de complicações durante o parto.

Realize todos os exames solicitados

Com o aumento da quantidade de visitas ao seu médico obstetra de confiança, aumenta-se também a frequência de exames. Grande parte deles é de urina, sangue e ultrassom. Será por meio dos resultados que o profissional acompanhará o desenvolvimento dos pequenos e poderá identificar possíveis alterações.

A gravidez, por si só, já apresenta riscos de hipertensão, diabetes, anemia, distúrbios da tireoide, infecções urinárias e outros. Portanto, é preciso acompanhar de perto qualquer tipo de distúrbio ou doença, já que esses males podem desencadear anomalias nos bebês e ainda prejudicar o momento do parto. Então, sempre faça todos os exames que forem solicitados e nunca os deixe para depois.

Atualize o seu cartão de vacinas

As grávidas representam um grupo de risco quando se trata de patologias, principalmente aquelas causadas por vírus, bactérias e protozoários. As doenças mais comuns e perigosas, tanto para a gestação de gêmeos como para a comum, são:

  • rubéola;
  • sarampo;
  • hepatite A, B e C (sendo a B e a C as mais perigosas para as gestantes e os bebês);
  • toxoplasmose;
  • zika vírus.

Muitas dessas doenças podem ser prevenidas quando a grávida mantém o calendário de vacinas em dia, pois a vacinação protege você e os seus pequenos de bactérias e vírus causadores de graves patologias. Além disso, é importante manter a sua casa sempre livre de focos de mosquitos.

Descanse e peça ajuda sempre que necessário

A fadiga, a sonolência, a sensação de pernas e costas pesadas e as dificuldades para dormir são sintomas comuns da gestação, mas que se intensificam na gravidez de gêmeos, pois o peso e a energia gasta são maiores.

Então, não tente abraçar o mundo e fazer tudo sozinha, pois isso pode gerar graves riscos aos seus bebês e a você também. Sempre que sentir necessidade, peça a ajuda de pessoas que estão próximas. Além disso, torne a sua rotina a mais simples possível, sem muitas responsabilidades ou preocupações.

Também procure dormir direito, pois o seu descanso e estado mental refletem diretamente no desenvolvimento dos fetos, principalmente porque, como vimos, a gestação gemelar têm probabilidades maiores de parto prematuro.

A gestação de gêmeos é rodeada de dúvidas e preocupações que surgem em dobro, principalmente em mamães de primeira viagem. Por ser marcada por maiores riscos para a saúde, é de extrema importância que você siga todos os cuidados durante esse período, principalmente aqueles orientados pelo seu obstetra. Assim, certamente você terá um parto saudável e uma linda família!

A gravidez gemelar também muda os seus planos em relação ao enxoval e aos itens de segurança, já que tudo precisa ser em dobro. Então, confira o nosso artigo e conheça os tipos de carrinho para não errar na escolha!